De acordo com estudo, o uso do “cotonete” pode perfurar o tímpano

Segundo um estudo feito pelo Hospital Henry Ford,nos Estados Unidos, que foi apresentado nesta sexta-feira(29) durante um congresso de otorrinolaringologia em Chicago, o uso das hastes flexíveis de algodão,mais popularmente conhecidas como ”cotonetes” utilizados para a higiene dos ouvidos, está profundamente ligado ao tímpano perfurado.Este estudo mostrou que mais da metade das pessoas que procuram um otorrinolaringologista, médico especializado em ouvido,nariz e garganta, utilizam o ”cotonete” para limpar o ouvido.

O otorrinolaringologista Ilaaf Darrat, um dos responsáveis pelo estudo, disse que se o objeto for empurrado profundamente no canal auditivo, ele causará problemas, como tímpano perfurado.Nas situações mais graves, provocará paralisia facial e vertigem.Ele ainda aconselha a procura imediata de um especialista,ao manifestar sintomas como perda auditiva,tonturas e anormalidade nos movimentos faciais.Segundo ele, a maioria dos casos se resolve apenas com o acompanhamento médico, não sendo necessária uma intervenção cirúrgica. Os resultados mostraram que 97% dos casos se curaram sozinhos, em um período de dois meses.

O médico Michael Seidman, diretor do hospital, recomenda outros modos para realizar a higienização dos ouvidos, para evitar problemas auditivos causados pelo uso das hastes flexíveis.Como, a mistura de vinagre puro com água e,uma vez por semana pingar cinco gotas dentro do ouvido, ou então procurar um médico para que limpe a cera do ouvido.

Jennifer   Taynara

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: