A cura do diabetes tipo 1

Pesquisadores do Centro Médico da Universidade do Sudoeste do Texas, nos Estados Unidos, descobriram que bloqueando a ação do glucagon, a doença passa a ser assintomática, ou seja, os sintomas da enfermidade desaparecerão.
O glucagon é um hormônio hiperglicemiante,ou seja, aumenta as taxas de glicose no sangue, através da quebra de glicogênio armazenado no fígado e músculos e, lançando-as na corrente sanguínea. Logo, a insulina atua antagonicamente ao glucagon, abaixando a concentração de glicose no sangue. O diabético tipo 1 é, portanto, aquele que não produz insulina, ou o faz em pequenas quantidades; consequentemente, o paciente necessita de doses diárias do hormônio, uma vez que, as taxas de glicemia são sempre altas.
O que os cientistas descobriram ao fazer experiências com animais, os quais tinham a produção de insulina debilitada é que ao retirar os receptores do glucagon a doença não se manifestava.
”Não que a insulina não seja importante. Ela é importante para o desenvolvimento e crescimento do homem até a idade adulta. Passada essa fase o papel da insulina é o de controlar o glucagon”.
Cabe aos cientistas descobrirem como cessar a atuação do glucagon no organismo humano. Será a cura do diabetes tipo 1.

Por Vanessa Carla

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: